Secretário do Espírito Santo é eleito para conselho nacional de Saúde

 

O secretário de Estado da Saúde do Espírito Santo, Nésio Medeiros, foi eleito como vice-presidente para a região Sudeste da diretoria do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) para a gestão 2019-2020.

O grupo tomou posse na noite desta terça-feira (23), em Brasília, na sede da Opas/OMS, em cerimônia com as presenças da diretora geral da Organização Pan-Americana de Saúde (Opas/OMS), Carisse Etienne, e autoridades como ministros, senadores, deputados e ex-ministros da saúde.

O secretário do Espírito Santo destacou a importância da representação do Estado na diretoria do conselho, apontou a oportunidade como um grande desafio e ressaltou que a participação ajuda a fortalecer o relacionamento do Estado com o Ministério da Saúde.

“O Conass é um espaço importante de articulação de todas as decisões que envolvem questões tripartite entre municípios, estados e a própria união. Eu entendo que o Espírito Santo tem uma trajetória importante de contribuição no sistema público de saúde no Brasil e também pode se constituir um importante laboratório de inovações e apresentar saídas e caminhos para aqueles que gerem a saúde pública do país”, disse.

Nésio Medeiros falou também sobre a regionalização da saúde e o processo de fortalecimento deste modelo. “Entendo que a posse da nova diretoria vem com um desafio gigantesco de poder fortalecer a relação com o Ministério, encontrar saídas para os municípios e fortalecer a regionalização e a municipalização”, declarou.

Presidente

Em seu discurso de posse, o presidente eleito, secretário de Estado da Saúde do Pará, Alberto Beltrame, fez uma análise da sua trajetória na saúde pública, destacando sua participação na formação e implantação do Sistema Único de Saúde (SUS) no país quando, entre os anos de 1986 e 1990 foi superintendente Regional do extinto Inamps no Rio Grande do Sul.

“Vi nascer todas as instâncias colegiadas do SUS, como o Conass, o Conasems e o Conselho Nacional de Saúde e tive a felicidade de poder participar em diversos governos, da construção desse sistema”, disse.

Diretoria 2019-2020

A diretoria, eleita na assembleia ordinária do conselho no mês de março, é composta por um presidente, cinco vice-presidentes (um para cada região), além da Comissão Fiscal e de representantes do Conass na Hemobrás, na Agência Nacional de Saúde Suplementar e no Conselho Consultivo da Anvisa.

De acordo com o Estatuto do Conselho, cabe aos gestores estaduais que compõem a diretoria representar o Conass nas reuniões da Comissão Intergestores Tripartite (CIT). Compete também “a representação política, a supervisão das demais instâncias e a administração do Conass, assim como o exercício pleno de suas competências no período de início de mandato dos governos estaduais, garantindo a transição para a próxima diretoria eleita, independentemente dos seus membros estarem no exercício do cargo de secretário”.

Confira a seguir a composição da Diretoria do Conass para a gestão 2019/2020.

Presidente:

Alberto Beltrame (PA)

Vice-presidentes regionais:

Centro-Oeste: Geraldo Resende (MS)

Nordeste: Carlos Eduardo Lula (MA)

Norte: Fernando Máximo (RO)

Sudeste: Nésio Fernandes (ES)

Sul: Beto Preto (PR)

Conselho Fiscal – Titulares

Cláudia Luciana de Sousa Mascena Veras (PB)

Florentino Alves Veras Neto (PI)

Renato Jayme da Silva (TO)

Conselho Fiscal – Suplentes

Alysson Bestene Lins (AC)

Helton de Souza Zeferino (SC)

Valberto de Oliveira Lima (SE)

Representante do Conass na Anvisa – Titular

Osnei Okumoto (DF)

Representante do Conass na Anvisa – Suplente

José Henrique Germann Ferreira (SP)

Representante do Conass na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) – Titular

Edmar Santos (RJ)

Representante do Conass na Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) – Suplente

Ismael Alexandrino Júnior (GO)

Representante do Conass na Hemobrás

Leonardo Moura Vilela (Conass)

Secretário Executivo

Jurandi Frutuoso (Conass)

 

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here