Idaf abre consulta pública para tratar de doenças da banana

Produtores rurais e demais interessados na cadeia produtiva da bananicultura, que tenham sugestões sobre como melhorar o manejo das lavouras do Estado, podem participar de consulta pública aberta pelo Instituto de Defesa Agropecuária e Florestal do Espírito Santo (Idaf) para tratar da sigatoka negra e outras doenças relacionadas ao plantio da cultura.

Disponível no site do Instituto até a próxima quarta-feira (12), a consulta pública auxiliará na criação da nova Instrução Normativa (IN), que tem como objetivo aumentar a proteção da bananicultura, atividade presente em mais de 90% dos municípios capixabas.

De acordo com a gerente de defesa sanitária e inspeção vegetal do Idaf, Adriana Kister, a obrigatoriedade da aplicação de medidas de manejo fitossanitário para as doenças da bananeira, independentemente da produção ser voltada para a atividade comercial, será uma das principais mudanças do novo texto.

“A bananicultura é um segmento muito importante no Estado e sabemos que diversos produtores têm contribuições a fazer sobre o tema. Por isso, abrimos a consulta pública para receber as considerações do setor”, frisou.

 

O que diz a normativa?

Segundo a nova Instrução Normativa, “é obrigatória a adoção de tratos culturais fitossanitários em bananais, bananeiras e cultivos de helicônias com evidências de abandono, sem a presença de tratos culturais e com capacidade de tornarem-se potencial inóculo para disseminação de doenças para cultura da bananeira”.

Além disso, “os bananais, as bananeiras e os cultivos de helicônias infectados, nos quais não sejam adotadas as medidas de manejo fitossanitário, devem ser obrigatoriamente destruídos, sob pena de aplicação das sanções previstas em lei”.

Clique aqui e acesse o texto da proposta de normativa na íntegra: https://idaf.es.gov.br/consulta-publica-002-2018-cultura-da-banana

COMENTE

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.