Coluna exclusiva do Jornal Correio9 – Rugido (10/03/2018)

Por Billy Baldo – billybaldo@correio9.com.br


Amante das atividades físicas, a veneciana Gessica Fantecelle Izidio, de 27 anos, estampa nossa coluna das mais belas. Ela é formada em Educação Física e sonha em ter sucesso em sua carreira profissional. Boa sorte!

Sujeira
É inegável a deficiência da limpeza pública de Nova Venécia. Na última semana esta coluna mencionou a problemática do lixo, entulho e terrenos baldios entupidos de mato por toda a cidade. Como solução, alguns vereadores têm defendido a criação de uma “Secretaria de Limpeza Pública”. Não seria prudente discutir, antes, o que está errado com a área encarregada da limpeza atualmente?

Leão Alado
A coluna “Sangria”, da última quarta-feira (7), do seu diário Correio9, divulgou sobre a escultura de um “leão alado”, que está sendo moldada, em granito, pelo escultor italiano Giacomo Castiglia. A obra vai complementar a outra, já existente na Praça Adélio Lubiana. Até aí tudo bem, mas…

No, No, No, No
Giacomo entrou em contato com a redação do jornal e informou que se trata de uma escultura de um leão, mas não um “leão alado”, como informou a coluna. Messaggio dato dall’uomo.

Melhora
Uma pesquisa do Programa de Avaliação da Educação Básica do Espírito Santo (Paebes) constatou que em todas as escolas do município o desempenho dos alunos teve crescimento em diferentes áreas do conhecimento e níveis de escolaridade. O levantamento aponta ainda que em todas as matérias analisadas, Nova Venécia está acima da média estadual. Ponto para todo mundo da educação veneciana. Mas os professores, merecem os “parabéns”.

Deficientes
Um estudo recente constatou que profissionais de chefia nem sempre dominam escrita e leitura. Quatro em cada dez falham no português na hora de ler e escrever. Se os chefes não dominam, o que dizer dos subordinados?

Pior
Não é só uma questão de saber ler e escrever ou não. O levantamento indica que só 4% são analfabetos; 23% conseguem ler uma mensagem simples como uma placa de sinalização. Outros 42%, entendem um texto básico, como uma mensagem na rede social.

E a Bula?
Menos de um quarto (23%) dos brasileiros vai sair de uma farmácia depois de comprar um remédio e compreender a bula. Apenas 8% dos alfabetizados não têm nenhuma limitação, o que significa chegar em uma banca de jornal, escolher um artigo e conseguir entender e distinguir uma ironia de uma opinião.

Triste!
Em outras palavras, 92% dos brasileiros que sabem ler, são analfabetos funcionais.

Scorpions
Parece mentira, mas a equipe da Vigilância em Zoonoses de Rio Bananal capturou nada menos que 895 escorpiões em uma residência em São Jorge de Tiradentes, Zona Rural daquele município. A tese de tanto animal junto é a de elevada quantidade de terrenos baldios, com muito galho seco e sujeira em seus entornos.

Snakes
Em Nova Venécia, além de contarmos com a presença de muitos escorpiões nos quintais e residências em vários bairros, a invasão de cobras também foi registrada (conforme já divulgado em reportagem do Correio9).

Motivo
A razão desta infestação de animais peçonhentos não é, exclusivamente, pelo acúmulo de lixo, como muitos pensam (isso pode colaborar um pouco). A verdade é que Nova Venécia é cercada por muitas plantações e o uso de inseticidas e agrotóxicos, aplicados nas lavouras, também afugentam os bichos, que se deslocam para a cidade à procura de alimentos.

Excelente
Algumas escolas do 2º ano do Ensino Fundamental em São Paulo têm trabalhado para que os alunos saibam identificar o que é uma notícia verdadeira e uma notícia falsa, os chamados fake news. A ideia pode distinguir o que é informação do que é boato.

Nascidos Para Matar
As fake news podem representar muita coisa: calúnia, injúria, difamação… mas muita gente tem sido morta por notícias falsas. Já mataram Renato Aragão, Roberto Carlos e, mais recentemente, o americano Sylvester Stallone.

Funciona Assim:
Para o “fake” ganhar vida são necessários indivíduos desavisados, pouco instruídos e que gostam de uma fofoca. Além disso, estas pessoas são preguiçosas, repetem tudo o que ouvem, compartilham o que veem sem se preocuparem com a verdade e com a própria credibilidade. Um desastre.

Dica
Para não cair nessas armadilhas, o astuto leitor pode checar qual a fonte que publicou a informação. Em muitos portais na internet, de cara se percebe que são notícias plantadas. Assim, se evitaria muita fofoca e muito vexame de publicar algo que passa longe de ser verdade. Quem não checa a fonte do que lê, é ingênuo, preguiçoso ou relaxado.

Aqui
Por isso, o leitor confia em seu Correio9 – com informações precisas e exclusivas – tornou-se a leitura diária obrigatória de quem não quer se deixar enganar.

Sem Defesa
O Espírito Santo conta com 78 municípios, mas somente em 26 deles há defensoria pública, que serve aos cidadãos menos abastados de grana quando o assunto é acionar a justiça.

Pressa
Por conta disso, 115 aprovados no último concurso pedem apoio para agilizar as suas nomeações, através de uma petição pública onde contam com apoio da população para conseguirem ingressar no serviço público.

Não
A Prefeitura de Nova Venécia, desde 1954 – ano de sua emancipação – usa faixas de tecido pintadas à mão para anunciar, promover ou homenagear alguma coisa. Não cola mais. Método ultrapassado, feio e que só faz surgir a poluição visual no local que é fixada.

Atrasado
Um exemplo é a recente faixa referente ao Dia Internacional da Mulher, que foi amarrada na Avenida São Mateus, com visualização de quem sai da ponte Christiano Dias Lopes, sentido Centro – Beira Rio. A faixa foi colocada na manhã do próprio dia 8 de março e “se tudo correr mal” ela deverá permanecer lá até o Dia Internacional da Mulher do ano que vem.

Invista
Existem vários meios de se propagar algo, usando o veículo certo e o bom gosto. A região é dotada de jornais, rádios, TV’s, sites, empresas de publicidade, etc. Tudo para que a mídia seja atrativa aos olhos de quem as vê.

1954
Ainda no ano da emancipação citado em nota anterior. Há uma foto curiosa da antiga Prefeitura de Nova Venécia, onde funcionou por anos o Bar Vênus em que na fachada do prédio aparece uma placa da Coca-Cola fixada. Pensar grande é ter a placa de sua empresa, que tem sede nos EUA, fazendo propaganda no ano de 1954 no bebê que era Nova Venécia. Por essas e outras que é uma das marcas mais valiosas do mundo.

Vice
O nome do senador capixaba Magno Malta (PR) é tido no meio político como o provável vice na chapa presidencial junto com Jair Bolsonaro (PSL).

Never
Se Bolsonaro não fosse tão intransigente, preconceituoso, analfabeto político, preguiçoso, desagradável, inútil, retardado, eu até que votaria nele. Hoje ele lidera todas as intenções de voto, e tem grandes chances de vencer.

COMPARTILHE

COMENTE