Boa Esperança discute Selo de Inspeção Municipal

O Serviço garantirá mais qualidade e renda com a comercialização de produtos de origem animal.

A discussão foi tema de palestra, ministrada pelo diretor do Instituto Federal do Espírito Santo (IFES), Campus Montanha, André Sampaio, na tarde de segunda-feira (05), na Câmara Municipal e contou com presenças do prefeito Lauro Vieira, vice-prefeito Valdirim, vereadores: Jocemar Xavier, José da Paz, Josil Sangiórgio Selminho, Cloves dos Anjos e a vereadora Cleides Capetini, além de secretários municipais e representantes do comércio.

A discussão faz parte das ações de implantação do Serviço de Inspeção Municipal (SIM) que está sendo realizado em parceria com Governo do Estado, através da Secretaria de Estado Agricultura (Seag) e IFES. Dentre os assuntos relacionados à criação e implantação do Selo de Inspeção Municipal, foram abordados temas como a Associação de produtores de carne, derivados do leite e vegetais, com destaque na produção de carne de sol da região Vale do Itaúnas.

“A estruturação do Serviço e Inspeção Municipal (SIM), que está em curso em sete municípios da Indicação Geográfica da Carne de Sol do Vale do Itaúnas, sendo eles: Ponto Belo, Mucurici, Montanha, Pinheiros, Boa Esperança, Pedro Canário e Conceição da Barra, auxiliará na estruturação do ambiente jurídico para produção de produtos de origem animal”, explica o diretor do IFES, André Sampaio, que responsável pela mediação nesse processo.

Com o SIM em funcionamento, os produtores das mais diversas atividades de origem animal, terão condições de saber como fazer, buscar orientação profissional, melhorar o método produtivo, aumentar a produção e o melhor de tudo isso, poder comercializar seu produto em todo negócio formal dentro e possivelmente fora do município também.

“Estamos dando passos importantes, debatendo esse tema com os vereadores e representantes do comércio, para implantação do serviço que irá promover crescimento, geração de emprego e renda para a população, pois com a ampliação, criação e fomento dos atuais e novos negócios, Boa Esperança e toda região que sai ganhando com a regulação do mercado, principalmente da carne de sol”, ressalta o prefeito Lauro Vieira.

Um projeto de lei do Executivo que regulamentará o serviço será encaminhado para apreciação e votação na Câmara de Vereadores em breve.

COMPARTILHE

COMENTE